Home / Notícias / A dieta do praticante de beach tennis

A dieta do praticante de beach tennis

Créditos de Imagem: Cleon Medeiros

Se liga nas dicas que a nutricionista esportiva Letícia Baptista nos passou sobre uma alimentação adequada para quem segue uma rotina de jogos e precisa do corpo preparado para mandar bem nas quadras.

A forma como você se alimenta reflete diretamente no seu rendimento na hora do jogo. No contexto do beach tennis, falamos de uma atividade que exige movimentos rápidos e intensos, muitas vezes exposição ao sol e perda de líquido.

Até acontece de engolir um pouco de areia quando a partida está agitada, mas este item não entra na dieta do beachtenista. Na verdade, o cardápio deve ser bem completo.

De acordo com a nutricionista esportiva Letícia Baptista, de uma maneira geral o praticante de beach tennis vai precisar de uma alimentação equilibrada durante o dia inteiro, além de uma alimentação específica pré, durante e pós-treino.

“A alimentação adequada vai fornecer maior aporte de energia para os jogos, menor grau de fadiga e maior eficácia na recuperação entre as partidas”, explica.

Para que o praticante de Beach tennis esteja preparado para os jogos ele precisa estar, além de bem nutrido, estar muito bem hidratado, pois ele está em situação de calor e elevada sudorese, perdendo assim líquido e minerais importantes.

“Existe um cálculo individualizado para hidratação, mas de uma maneira geral, antes de iniciar a prática esportiva, recomenda-se a ingestão de 400 a 600 ml de líquidos. Durante a prática, deve-se ingerir entre 150 e 300 ml a cada 15-20 minutos”, conta a nutricionista.

Alimentos benéficos para a saúde do praticante de beach tennis

Pensando em melhorar o rendimento do atleta/praticante durante o treino, serão necessários carboidratos (batata doce, tapioca ou frutas)  e gorduras boas (abacate, castanhas, nozes) nessa refeição, que geralmente é 1h antes do exercício.

“Nessa refeição, assim como durante o dia todo,  devem ser evitadas frituras e alimentos com baixo teor nutritivo”, conta.

Após o treino deve-se consumir alimentos ricos em carboidratos e proteínas para estabelecer as reservas energéticas e favorecer a recuperação do organismo.

Vale lembrar que as pessoas podem ter necessidades nutricionais específicas, e é sempre bom procurar um profissional nutricionista.

Cuidados com a hidratação

Estar bem hidratado antes do exercício é fundamental, pois os atletas que iniciam a competição em um estado de desidratação podem afetar  funções  fisiológicas como: termoregulação (controle da temperatura corporal), aumento da frequência cardíaca e fadiga.

Fique atento aos sinais e sintomas da desidratação

Tipo de desidratação Sintomas
Moderada Sede; sono; fadiga; falta de apetite; pele vermelha; tontura, intolerância ao calor.
Grave Pele seca e murcha; olhos afundados; visão fosca; delírio; espasmos musculares; choque térmico e coma, podendo levar a morte.

 

“Em casos de atividade física de moderada a intensa pode-se fazer necessário, além da água, outros tipos de nutrientes para reposição”, completa.

Letícia Baptista

Nutricionista, CRN10 5052 – Bom Jesus Ielusc, 2015
Nutricionista Esportiva Funcional – Universidade Cruzeiro do Sul/ VP nutrição funcional
Graduanda em BIOMEDICINA – Universidade Positivo
Local de Atuação: Clínica Impacto Nutrição Avançada, Joinville e Balneário Camboriú

Sobre Viva Beach Tennis

O mais completo portal de Beach Tennis do Brasil. O Viva Beach Tennis é o portal onde você encontra tudo sobre o esporte que adquire a cada dia mais adeptos no mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *